Voltar para Home/ Voltar para Página inicial/ Página Inicial Pular para o conteúdo

Logo: Sociedade Alemã de Amparo à Pesquisa (DFG) - Ir para a página inicial Deutsche Forschungsgemeinschaft

“Research in Germany“ participa do Congresso Brasileiro de Oceanografia, em Salvador

No estande do “Research in Germany“ (da esquerda): Maxi Neidhardt (DFG), Till Hanebuth (MARUM), Helmut Galle (Representante Acadêmico da DFG), Carlos Roberto Franke (AvH/UFBA) e Rafaela Giordano (DAAD)

(22/11/16) A capital baiana recebeu entre os dias cinco e nove de novembro a sétima edição do Congresso Brasileiro de Oceanografia, organizado pela Sociedade Brasileira de Oceanografia, em parceria com a Universidade Federal da Bahia (UFBA) e do Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia de Ambientes Marinhos Tropicais (INCT AmbTropic). O evento deste ano abordou temas como a acidificação dos oceanos, recursos naturais marítimos, paleoceanografia e humanidade e oceanos, bem como o ensino e o mercado de trabalho na área das ciências marítimas no contexto das mudanças climáticas e seus impactos nos mares e nas regiões costeiras.

O programa científico foi inaugurado na segunda-feira com a palestra do cientista convidado do “Research in Germany”, Prof. Till Hanebuth, do Centro de Ciências Ambientais Marinhas (MARUM), da Universidade de Bremen, cujo título foi “Fate of the Fines – Drivers, Behaviour and Value of Mud Supplied to the Ocean”, e que foi acompanhada com grande interesse pelo público.

No mesmo dia, em um salão lotado, foi realizada a Lunch Session do “Research in Germany”, onde as agências de fomento DAAD, DFG e Fundação Alexander von Humboldt se apresentaram. O Prof. Hanebuth, na condição de representante da pesquisa na área de oceanografia da Alemanha, falou sobre a sua carreira, sobre o MARUM e também deu dicas e recomendações úteis para quem quer entrar em contato com um cientista experiente do país. Com mais de 100 participantes, o evento do “Research in Germany” em Salvador foi o mais visitado deste ano, o que reflete o enorme interesse dos estudantes e pesquisadores da região em programas de fomento para estudo, doutorado e cooperação científica.

O estande informativo do “Research in Germany”, localizado na área expositiva do congresso, recebeu inúmeros visitantes. Representantes da DFG e do DAAD ofereceram orientação aos congressistas em diferentes estágios de suas carreiras sobre oportunidades de fomento, intercâmbio e cooperação. Devido à grande procura, os interessados também tiveram a possibilidade de conversar pessoalmente com o Prof. Hanebuth no estande – uma oportunidade que foi bem bastante aproveitada por estudantes e jovens pesquisadores.